Como promover o espírito de equipa no trabalho

Empregados com megafone

O sucesso de qualquer empresa está, não só na qualidade dos seus produtos e serviços, mas nas pessoas que trabalham diariamente para a fazer crescer. Embora o trabalho individual tenha os seus benefícios, as empresas depressa perceberam que não há nada como o trabalho de equipa – em geral, produz melhores resultados e necessita de menos orientação. Agora, conseguir que isso aconteça pode não ser tão fácil como aparenta, daí a importância de saber promover o espírito de equipa, principalmente se tem um cargo de chefia.

As linhas da comunicação

As linhas da comunicação devem estar sempre abertas, ou seja, cada colaborador deve estar à vontade para falar sobre o que quer que seja com qualquer outro elemento da equipa, inclusive, o líder. O líder, por sua vez, deve assegurar que toda a equipa esteja bem ciente dos objectivos, normas e visão da empresa – só uma equipa que compreende, na íntegra, a meta de uma empresa é que pode realmente concretizá-la. Adicionalmente, deve reforçar a importância do trabalho em equipa sempre que haja uma reunião, formação ou mesmo em momentos menos formais, como a pausa para café ou o almoço de Natal – os colaboradores gostam sempre de saber que foi o seu esforço colectivo que contribuiu para o melhor ano na história da empresa, por exemplo.

Um bom ouvido

Uma das características mais importantes que um líder deve ter na hora de motivar o espírito de equipa no escritório ou qualquer outro ambiente de trabalho é a capacidade de ouvir. Ter a sua porta sempre aberta para ouvir as opiniões, desabafos e dificuldades dos colaboradores é essencial porque aqueles funcionários que se sentirem mais confortáveis com a equipa e com o seu líder terão uma maior probabilidade de se manterem leais e motivados com o departamento e com a empresa. Estar atento ao feedback da equipa e agir de acordo com o mesmo é igual a aumentar os níveis de satisfação e, por consequência, de entrega e produtividade da mesma.

Promover a confiança

Sempre que possível, deve demonstrar a segurança que tem nas competências individuais e colectivas da sua equipa de trabalho – depositar a sua total confiança nos seus colaboradores reproduzirá o mesmo efeito neles, ou seja, aumentará a sua própria autoconfiança e vontade de fazer mais e melhor. Promover a confiança é estimular um ambiente de trabalho criativo e uma equipa mais do que motivada.

Obstáculos que desafiam

Embora possam ter, à primeira vista, uma conotação negativa, a verdade é que existem obstáculos ideais para promover o espírito de equipa – um prazo apertado ou um projecto inovador para a empresa, por exemplo, são obstáculos aliciantes porque desafiam as pessoas a darem o seu melhor. Para além disso, estas “provas de resistência” geram uma interdependência que fortalece a colaboração activa e saudável entre os membros da mesma equipa. Em proporções certas, os obstáculos são ferramentas poderosas para unir um grupo de pessoas em torno do mesmo objectivo.

Recompensas merecidas

Quem não gosta de um prémio, de ser reconhecido por um trabalho bem executado? Seja um bónus monetário, um dia de folga ou um elogio verbal, o reconhecimento de um trabalho bem feito é um dos maiores motivadores existentes no mundo profissional. É igualmente importante louvar as prestações individuais, assim como a equipa no seu todo.

Actividades extracurriculares

O espírito de equipa também pode ser promovido e fortalecido fora do escritório, ou seja, a empresa pode organizar um passeio anual ou bianual onde junta os colaboradores num sábado à tarde para descontraírem ou, porque não, para participarem em actividades radicais (por exemplo, rafting ou paintball) ou outros jogos de equipa (por exemplo, uma partida de futebol ou mesmo exercícios de “teambuilding”) – onde o esforço colectivo é necessário e, entre uma pitada de diversão, sairá com certeza reforçado.  

Gostou deste artigo?: