6 formas de manter a produtividade durante uma crise pessoal

Mulher preocupada

Existe uma linha muito ténue entre a vida pessoal e a vida profissional – se é verdade que levamos muitas vezes o trabalho para casa, o inverso também é bastante comum. Os problemas do dia-a-dia podem interferir negativamente com as obrigações laborais, por isso, é crucial saber manter a produtividade, mesmo no meio de uma crise pessoal.

  1. Entregue-se ao trabalho. Não há melhor forma de esquecer (nem que seja por algumas horas) um problema pessoal e manter os níveis de produtividade elevados, do que mergulhar por completo no trabalho. Pode parecer um contrassenso porque os seus pensamentos estão noutros assuntos, mas a verdade é que ao concentrar-se a 100% num projeto, não só evita pensar naquilo que lhe está a incomodar, como assegura que o seu trabalho fique feito e bem feito. Experimente.
  2. Guarde os assuntos pessoais para si. Quando algo corre mal na vida – o fim de uma relação, problemas financeiros, uma doença na família – não precisa de chegar ao escritório e anunciar isso a todos aqueles que estiverem por perto. Por mais que custe, chegue ao escritório da forma habitual, camuflando da melhor forma possível a sua tristeza ou frustração. Desabafar sobre a sua crise pessoal com cada um dos colegas vai roubar-lhe tempo e energia, o que irá refletir-se na sua produtividade. Para além disso, passará o dia a responder a perguntas como “estás bem?” ou “precisas de alguma coisa?”. Em vez disso, e se achar realmente necessário explicar o que se está a passar consigo, converse apenas com um ou dois colegas mais chegados, à hora do almoço ou na hora do café.
  3. Pausas retemperadoras. Se as pausas a meio de um dia de trabalho são essenciais quando tudo corre bem, são ainda mais importantes quando estamos à beira de um ataque de nervos. Se o trabalho não está a render e só consegue pensar na sua amiga que está prestes a ser operada, pare, respire fundo e faça uma pausa: vá à casa de banho e molhe o rosto com água fria, veja um vídeo divertido no YouTube (rir é sempre um bom remédio!), desça à rua para apanhar um pouco de ar fresco, faça um lanche saboroso. Depois, volte ao seu lugar e recomece. A produtividade agradece. 
  4. Tenha cuidados redobrados. Enquanto não conseguimos resolver ou ultrapassá-los, os problemas pessoais não nos saem da cabeça e podem até ser fonte de lapsos, mal-entendidos ou até erros profissionais. Tente evitar isso ao máximo, tendo cuidados redobrados durante uma crise pessoal – verifique os emails duas vezes antes de enviar, anote tudo aquilo que não conseguir processar no momento para rever mais tarde, deixe assuntos mais complexos para o dia seguinte, peça a opinião de outro colega, delegue tarefas a terceiros se for necessário. Evitará assim problemas adicionais e trabalho duplicado – algo muito fácil de suceder quando se vive uma crise pessoal.  
  5. Fazer trabalho repetitivo. Se recebeu uma notícia pessoal indesejada e a última coisa em que consegue pensar é no relatório de contas que tem de finalizar, porque não fazer outro tipo de trabalho? A concentração é escassa quando somos confrontados com uma crise pessoal, por isso, estas alturas são ideais para fazer tarefas repetitivas ou mecânicas como enviar emails, atualizar uma base de dados, organizar documentos ou fazer pesquisa. Uma boa alternativa para assegurar a produtividade, mesmo num dia não.
  6. Planear um momento agradável para o final do dia. Sobreviver a um dia de trabalho no meio de uma crise pessoal pode parecer uma missão impossível, mas não é. Uma boa forma de manter a produtividade, mesmo quando a única coisa que lhe apetece fazer é esconder-se debaixo da secretária e chorar, passa por planear algo agradável para o final do dia. Uma recompensa pós-trabalho pode ser exatamente aquilo que precisa para ajudá-lo a chegar ao final do dia e fazer o que tem de fazer sem grandes contratempos. Algumas ideias incluem marcar um drink ou um jantar com um amigo, uma sessão de cinema, uma corrida no parque da cidade, uma ida às compras, uma massagem no seu spa preferido, encomendar pizza para o jantar – seja o que for, vai ajudar em mais maneiras do que uma.
Gostou deste artigo?: